quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

A magia do Natal

Os dias vão passando e aproxima-se o Natal, com toda a sua magia e, claro, os presentes trazidos por aquele senhor idoso e barbudo vestido de vermelho, um verdadeiro hino à reforma laboral. Claro que os tempos mudam e com a competitividade o senhor lá se acabou por render às renas low cost, uma variedade mais em conta para as suas viagens intercontinentais. O único problema é que entre limitações de tempo, greve dos controladores aéreos, esses gnomos em pessoa, e a idade do senhor, já nem tem tempo de descer a cada chaminé e deixar um presente, abandonando-os em cada cruzamento para que depois as crianças os passem a recolher. Se ainda lá estiverem na manhã do dia 25. Claro que apesar da crise o homem da Coca-Cola não deixou de descer às chaminés (e habilmente escapar-se das chamas da lareira - verdadeiro Houdini - ), mas para que o faça terão as crianças de pedi-lo por carta, em papel azul de 25 linhas timbrado, e o próprio presente será como é óbvio a visita deste pai adoptivo com um punhado de caramelos para adoçar as bocas mais descontentes com estas novidades. Mas no fundo estamos no Natal e o que interessa é o sorriso de cada um de nós. :-)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas 2.5 Portugal.