quarta-feira, 16 de março de 2011

O canal por onde são canalizadas as notícias do DN não presta!

E por isso continuam a a aparecer tantos erros (ou gralhas, ou o que lhes quiserem chamar) nas notícias.
Que apareçam muitos erros pelas redes sociais, já não me espanta, porque tenho a certeza que muitos portugueses não sabem escrever convenientemente. Infelizmente outros há que não compreendem o que lêem, mas isso já tem a ver com a educação que recebem e que não tem sido uma preocupação dos governos portugueses nas últimas décadas.





Por último, lamentar a situação a que se refere a notícia e que tem a ver com a radiação que está a ser libertada pela central nuclear de Fukushima, no Japão, depois do horrível terramoto e ulterior tsunami. Esta é uma das muitas razões pelas quais não podemos deixar de lutar por formas mais limpas de energia do que a nuclear. Apesar de barata é extremamente contaminante e motivo de fricção entre países vizinhos. Dentro em breve já começarão a aparecer os primeiros pacientes com patologias ligadas à radiação. Um drama lamentável.

1 comentário:

  1. pois é , este crasso erro advém da confusão do sufixo -izar com -ar , que se junta (este), por ex. a "análise"; o primeiro, junta-se a canal... mas é preciso saber...

    quanto à tragédia do Japão, já está tudo a rever certas posições... nada é definitivo...
    Abraço.

    ResponderEliminar

Licença Creative Commons
Esta obra foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas 2.5 Portugal.